CLÉA COSTA – ( Cléa Costa Vieira) Nasceu em Goiânia, em 1946, cursou Artes Visuais e Licenciatura em Desenho no Instituto de Artes da UFG, onde desde 1976 é professora concursada nas cadeiras de Desenho, Gravura e Pintura.
O crítico de arte Antônio Zago, apresentando uma individual da artista em São Paulo, escreveu: “Diante da obra de Cléa Costa sentimos imediatamente a certeza de não se tratar de uma simples experiência, mas de uma conclusão. A conclusão de quem atingiu a primeira certeza e tem diante de si um universo a ser explorado”.
O crítico Carlos von Schmidt falou assim da artista: “Houve um tempo em que a fabulação de Cléa atinha-se ao dia-a-dia, a crueza do real, do cotidiano, hoje, mais rica, mais ampla, mais livre, aborda campo mais vasto. Existe agora, na pintura de Cléa permanente desafio à nossa imaginação”.
Miguel Jorge assim se manifestou sobre a pintura de Cléa: “Numa busca minuciosa de detalhes e conjuntos tocando com clareza a problemática do homem simples, dos garis, pessoas que compõem o nosso mundo”.
Para Walmir Ayala: “Artista que valoriza o artesanal, que generosamente concede o calor natural ao processo de entitamento, estende uma névoa de melancolia e transcendência, sobre rostos e objetos que analisa. O caminho de Cléa Costa é imprevisível”.
Exposições realizadas
  • - 1965: Salão de Belas-Artes de Goiânia.

  • - 1975: Prêmio de desenho no I Concurso de Artes Plásticas da Caixego, Goiânia.

  • - 1976: 2 Prêmios de aquisição no Salão Empresarial de Artes Plásticas de Goiás.

  • - 1976: Participa da Bienal Nacional de São Paulo.

  • - 1978: Salão Goiano de Artes no Clube Naval de Brasília.

  • - 1978: I Salão Nacional de Artes Plásticas da Funarte, Rio de Janeiro.

  • - 1979: Projeto Arco-Íris, coletiva da Funarte no Rio de Janeiro, Vitória e Belém.

  • - 1981: Coletiva na Galeria Kuarup em Belo Horizonte.

  • - 1981: Coletiva de Artistas Goianos na Galeria Prestes Maia, em São Paulo.

  • - 1982: Arte Nacional, no Ibirapuera, São Paulo.

  • - 1984: Individual na Galeria Anvers, Antwerpeen, Brexelas, Bélgica.

  • - 1984: Coletiva de Artistas Goianos no Salão Negro do Senado Federal, Brasília.

  • - 1984: Individual na Galeria de Artes do Teatro Nacional.

  • - 1984: Individual na Casa Grande Galeria de Artes em Goiânia.

  • - 1985: Individual na Galeria Contemporânea em Brasília.

  • - 1986: Individual na MultiArte Galeria em Goiânia.

  • - 1987: Individual na Galeria Contemporânea, em Brasília.

  • - 1988: Individual na Galeria do Jornal de Brasília.

  • - 1988: V Salão Brasileiro de Artes Plásticas, Fundação Mokiti Okada, em São Paulo.

  • - 1988: Mulheres Abstratas, coletiva no MIS, em São Paulo.

  • - 1988: Pintores do Brasil Central, coletiva no Ministério das Relações Exteriores do Brasil, em Angola.

  • - 1988: Bienal Nacional de Artes Plásticas de Goiânia.

  • - 1988: Arte Abstrata, coletiva na Chroma Galeria de Arte, São Paulo.

  • - 1989: Individual na Galeria Paulo Prado, São Paulo.

  • - 1990: Individual na Galeria Casa Grande de Brasília.

  • - 1990: Individual na B. Inter Art Galerie, Paris, França.

  • - 1990: Participou da London In Art Fair/ Lineart-Grand/ Biaf.

  • - 1991: Art Junction Nice.

  • - 1991: Individual na Embaixada do Brasil em Roma.

  • - 1991: Individual na Galeria Marina Potrich, Goiânia.

  • - 1993: Individual na Galeria Arte do Brasil Interior, São Paulo.

  • - 1998: Como convidada, participa da coletiva “60 Artistas nos 60 Anos do Jornal O Popular”, na Fundação Jaime Câmara.

  • - 1998: Individual de Pinturas e Objetos na Fundação Jaime Câmara, Goiânia.
  •   
      :: Conheça as obras do artista